A história das coisas

Pessoal, bom dia!

Segue um vídeo que vale a pena…

Se todos os dados são verdadeiros, isso não posso afirmar, mas no mínimo nos chama atenção a vários pontos que fazem parte da nossa realidade.

Veja, Reflita, Mude hábitos!

O vídeo narra basicamente o processo de extração, produção e consumo dos bens e seus impactos no meio ambiente desde sua produção até o seu consumo. Toca em vários pontos que são essenciais para um processo de reflexão e ao mesmo tempo mudanças de hábitos, posturas e até mesmo iniciativas que visam atingir setores que não temos acesso diretamente.

Um problema levantado é a questão do próprio sistema de produção que infelizmente não se dá conta da finitude da terra e continuam por alimentar uma cadeia que aquilo que é consumido não é eliminado de modo simples pela natureza. No entanto, a produção é contínua sendo tão somente necessária para substituir o que foi descartado. Neste processo de extração para produção a própria natureza não é reabastecida ficando refém do próprio sistema, vindo ela mesma a responder pela ação agressiva do homem. Neste ínterim, países como os Estados Unidos e outros acabam por utilizar recursos de outros países para suprir a própria demanda interna por consumo.

Outro ponto importante que o vídeo mostra é com relação as transferências de custos para produção a fim de gerar produtos mais baratos e, para isso, utilizam mão de obra barata o que subtende escravização dos trabalhadores, além da terceirização a outros países na fabricação de outras peças que poderiam causar impactos ao país. Deste modo, os próprios trabalhadores acabam por pagar parte desse altíssimo preço que vai sendo fracionado para os homens e para a própria natureza que fica exposta ao recebimento dos lixos tóxicos que são utilizados na produção e também no descarte desses bens. E este ciclo acaba aumentando uma vez que a tendência é se ter produtos cada vez descartados com mais facilidade sem a visão de reutilização e conseqüente diminuição em sua produção. De fato, isso não é nem um pouco interessante para uma pequena parte da população cujos interesses comerciais, egoístas desejam apenas verem a roda girando para o seu próprio enriquecimento escravizando todo o meio ambiente (esquecendo que também fazem parte dele).

Infelizmente a sociedade de consumo acaba por alimentar o próprio sistema (trabalho – mídia – consumo) que ela mesma sofre, reduzindo o tempo para a própria vida e família.

Como ação é importante considerar a reciclagem, mas ela tem sua limitação. Penso que a chave para a redução dessas conseqüências seja uma reeducação em torno do consumo, uma vez que isso naturalmente atingiria a causa (produção) e minimizaria os muitos impactos deste longo processo.

O vídeo não apenas se preocupa com as informações, mas também provoca, desafia e ao mesmo tempo carrega de esperanças em saber que em cada fase do processo existem pessoas cujos princípios e valores devem ser respeitados e por isso vale a pena lutar.

Bruno Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s